Apologética



Islamismo – Parte 01 – Introdução


A religião islâmica é hoje a segunda maior religião em número de fiéis, estando à sua frente apenas o Cristianismo (incluem-se aqui Catolicismo Romano, Ortodoxos, Protestantes etc). O Islã possui seguidores em todos os continentes do mundo.

O Islamismo e o Cristianismo são as duas religiões de maior porte e mais missionárias no mundo. Suas crenças são muito semelhantes em vários aspectos. Ambos são monoteístas, foram fundadas por um indivíduo específico em um contexto definido e historicamente verificável, são universais, e crêem na existência de anjos, do céu e do inferno, numa ressurreição futura, e que Deus fez-se conhecer ao homem por meio de uma revelação.

Entretanto, existem também diferenças óbvias entre elas, particularmente em relação à pessoa de Jesus, o caminho da salvação, e a escritura ou escrituras de fé. Estas diferenças abarcam as doutrinas mais fundamentais de cada religião, e, portanto, mesmo que ambos possam ser igualmente falsos, o Islamismo e o Cristianismo não podem ser verdadeiros ao mesmo tempo.

Nossa tarefa é examinar as declarações islâmicas para ver se cada uma delas é verificável. A razão para isso deve ser evidente por si mesma: é muito fácil alguém fazer declarações a respeito de si mesmo, prová-las é um assunto totalmente diferente. Este material apresentará as principais objeções islâmicas contra a fé cristã, oferecendo, em contrapartida, uma resposta cristã.


  • Leia também


    Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso de Teologia On-line Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia

    © 2017 - 2020 ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Todos os direitos reservados.

    Ícones feitos por Freepik from www.flaticon.com