Apologética



Ordem Rosa Cruz – Parte 15 – A reencarnação


A Ordem Rosacruz se orgulha do seu ensino sobre a reencarnação e assim declara:

Existem no mundo poucas escolas de ocultismo que têm ensinado esta lei muito sagrada e secreta. A Ordem Rosacruz é a única das escolas metafísicas ou ocultistas, em todos os tempos, que ensinaram ao mundo ocidental, esta lei em versão original, correta e completa.

E explica a forma reencarnacionista adotada:

De acordo com a lei da reencarnação, cada ser humano renasce no plano terrestre a cada 144 anos, em média. Em outras palavras, se pudéssemos acompanhar as reencarnações de uma pessoa em um período de mil anos atrás, verificaríamos a ocorrência de um renascimento em um novo corpo a cada 144 anos, em média.50

E se a pessoa vier a morrer antes dos 144 anos de idade? O ensino dado pela Ordem Rosacruz é o seguinte:

Se uma pessoa vive somente 80 anos neste plano terrestre e, em seguida, eleva se a uma vida mais alta pela transição, a fuma e a personalidade da referida pessoa permanecem no plano cósmico psíquico cerca de 64 anos antes de se reencarnar, afim de completar o ciclo de 144 anos. Por outro lado, uma pessoa cuja vida neste plano terreno atingiu os 60 anos, há de esperar, no plano cósmico psíquico, 84 anos para encarnar outra vez. A criança que passa para o plano cósmico aos quatro anos de idade teria de permanecer no mesmo 140 anos, aguardando a reencarnação.51

E ainda se vangloria de ser a primeira organização a ensinar as verdadeiras doutrinas da reencarnação na América:

O estudante deve lembrar-se de que a nossa organização foi a primeira a promulgar as verdadeiras doutrinas da reencarnação, na América, e a destruir algumas das crenças tolas e enganosas que algumas escolas haviam estabelecido.52

Resposta Apologética:

Um cristão não pode acreditar na reencarnação quando analisa o ensino do Novo Testamento, pois Jesus ensinou a unicidade da vida terrestre ao declarar que o homem rico morreu e foi para o inferno, ao passo que Lázaro morreu e foi para o seio de Abraão (Lc 16.22-26).

O Senhor ensinou também a existência de um lugar definitivo para o perdido (Mt 25.41) e de um lugar definitivo para o salvo (Mt 25.34-36), a redenção por sua morte na cruz e não por esforços humanos (Mt 20.28; 26.26-28; Lc 19.1-10; Jo 3.16, 36) e a ressurreição do corpo (Jo 5.28-29).

Além dos ensinos do próprio Jesus, a Bíblia ainda declara que o homem morre uma só vez, vindo depois disso o juízo (Hb 9.27).

Paulo afirmou que o cristão, ao morrer o corpo, vai estar com Cristo no céu (2 Co 5.6-8; Fp 1.21-23). O corpo aguarda a ressurreição.

João viu o cavaleiro chamado Morte e o Hades seguia-o (Ap 6.8).

Todos os que aceitam Jesus se tornam filhos de Deus e não se perdem (Jo 1.12), mas vão para o céu (Jo 14.2-3).

A reencarnação se opõe ao ensino bíblico da salvação, pois afirma que a salvação se alcança por obras (Rm 4.4-5; Ef 2.8-9).

Jesus deixou claro que a teoria do carma não é verdadeira (Jo 9.1-3).


  • Leia também


    Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso de Teologia On-line Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia

    ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Caixa Postal 64.098 - CEP 22011-970 - Rio de Janeiro - RJ. CNPJ 08.987.618/0001-07

    © 2017 - 2020. Todos os direitos reservados.

    Ícones feitos por Freepik from www.flaticon.com