ICP Responde



Deus se arrepende ou não?


Esse versículo aponta a tristeza de Deus pela má índole do homem (v. 5). Trata-se de uma figura de linguagem para o entendimento humano (antropopática), indicando que Deus se contristou pela desobediência do homem, não que tivesse havido erro da parte de Deus. Em Números 23.19, o sentido é que a palavra de Deus, ao contrário da dos homens, se cumpre. Numa terceira passagem, Jeremias 18.7-10, lemos: se a tal nação... se converter da sua maldade, também eu me arrependerei do mal que pensava fazer-lhe. Não se trata, obviamente, de arrependimento acerca de algum erro cometido, como no caso dos seres humanos. Mas de supressão do castigo anunciado, em virtude da conversão ou arrependimento dos homens. Deus não erra, logo, seu arrependimento não é como o nosso. Deus, que é soberano e imutável, sabe lidar apropriadamente com as mudanças no comportamento humano. Quando os homens pecam ou se arrependem do pecado, Deus muda seu pensamento, abençoando ou punindo de acordo com a nova situação (Êx 32.12,14; 1Sm 15.11; 2 Sm 24.16; Jr 18.11; Am 7.3-6).


Por Paulo Sérgio Carvalho da Silva

  • Leia também



    Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso Teologia Online Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia
    Contato
    Siga

    © 2017 - 2019 ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Todos os direitos reservados