ICP Responde



Vimos a sua estrela (Mt 2.1-12)


Astrologia. Declara que este texto fundamenta o estudo das estrelas. Seu intuito, com isso, é apoiar a previsão de acontecimentos futuros na vida das pessoas.

Resposta apologética: Está muito claro no texto bíblico em referência que o objetivo da utilização da estrela foi anunciar o nascimento de Cristo, algo muito diferente de predições indiscriminadas de eventos futuros. Neste contexto, é bom lembrar que a criança já havia nascido há aproximadamente dois anos.

A narrativa bíblica declara que Herodes inquiriu dos magos exatamente o tempo em que a estrela lhes aparecera (v. 7). Depois, declara que, ao sentir-se iludido pelos magos, Herodes se irritou muito e mandou matar todos os meninos que havia em Belém (e em todos os seus contornos) de “dois anos para baixo”, segundo o tempo que, diligentemente, havia inquirido dos magos.

Logo, a estrela, neste contexto, não fora empregada com o intuito de adivinhar o futuro, mas de proclamar algo que já havia acontecido: o nascimento do Salvador. Outrossim, há registros bíblicos que amparam o emprego das estrelas com o propósito de revelar a glória divina (Sl 19.1-6) e sua existência (Rm 1.18-20). Mas, em nenhum caso, há especulação futurística (V. comentário de Dt 4.19).

Testemunhas de Jeová. Declaram, na Tradução do Novo Mundo, que “os astrólogos, prostrando-se, prestaram-lhe homenagem”, isso porque a sua versão da Bíblia traduziu a palavra proskyneo (“adorar”) por “prestar homenagem” todas as vezes que se refere ao Filho de Deus.

Resposta apologética: A versão da Bíblia dessa seita (Tradução do Novo Mundo) traslada proskyneo para o português como “prestar homenagem” nas seguintes passagens, entre outras: Mateus 8.2; l4.33; 15.25; 28.9,17; João 9.38; Hebreus 1.6. No entanto, em relação ao Pai, a Satanás e a deuses falsos a tradução para proskyneo é “adorar” (Mt 4.10; Jo 4.24; Lc 4.7; Ap 13.4; 22.8), o que demonstra, claramente, a condição tendenciosa da Bíblia das Testemunhas de Jeová de rebaixar o Senhor Jesus Cristo à categoria de mera criatura (V. comentário de Hb 1.6).


  • Leia também



    Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso Teologia Online Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia
    Contato
    Siga

    © 2017 - 2020 ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Todos os direitos reservados