ICP Responde



Tu és meu filho, eu hoje te gerei (Salmos 2.7)


Mormonismo. Declara que Jesus (como os demais seres) nasceu por meio da procriação espiritual, é filho de pais celestes, e usa este versículo para dar respaldo a essa crença.

Resposta apologética: Onde se sugere no texto em referência que todos os espíritos foram produzidos no mundo espiritual e que se encarnaram para nascer? O contexto, neste caso, não está falando de espíritos produzidos no mundo espiritual, mas, sim, dos reis da terra que planejavam livrar-se do Messias, como realmente o fizeram, por meio da crucificação (V. At 4.24-28).

Este salmo é, destacadamente, messiânico e, como tal, seu cumprimento aplica-se a Jesus Cristo. Um princípio básico da interpretação das Escrituras é que o Antigo Testamento deve ser entendido à luz do que encontramos no Novo Testamento. Os apóstolos demonstraram que o Salmo 2 teve cumprimento em Cristo (At 13.33,34). Logo, este versículo em nada apóia uma alegada procriação de Cristo, porque Jesus é tão eterno quanto o Pai (Jo 1.1), existindo como “EU SOU” (Êx 3.14), antes de Abraão (Jo 8.58). Embora possuísse o estado eterno (V. Mq 5.2), Jesus Cristo nasceu como homem em Belém.


  • Leia também



    Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso de Teologia On-line Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia
    Contato
    Siga

    © 2017 - 2020 ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Todos os direitos reservados