ICP Responde



Espírito Santo (Marcos 1.8)


Testemunhas de Jeová. Segundo afirmam, João Batista estava dizendo que Jesus batizaria com o Espírito Santo tal como ele havia batizado com água. E concluem, ainda, que, assim como a água, o Espírito Santo também não é uma pessoa. Com isso, a única intenção dessa seita é despersonalizar o Espírito Santo, para tentar justificar sua doutrina de que a terceira pessoa da Trindade é apenas uma força ativa.

Resposta apologética: Se aplicarmos o mesmo raciocínio das Testemunhas de Jeová aos textos de Romanos 6.3 e Galátas 3.27, veremos que o ensino dessa seita não possui consistência, pois Jesus também deixaria de ser uma pessoa. Na primeira referência, o apóstolo Paulo faz um questionamento: "Ou não sabeis que todos quantos fomos batizados em Jesus Cristo fomos batizados na sua morte?". Na segunda, diz: "Porque todos quantos fostes batizados em Cristo já vos revestistes de Cristo". O fato de as pessoas serem batizadas em Cristo e revestidas dele justifica a negação da personalidade de Jesus? Claro que não. Assim, de forma alguma, o argumento sobre o batismo não contesta a personalidade do Espírito Santo.


  • Leia também




    Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso de Teologia On-line Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia

    ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Caixa Postal 64.098 - CEP 22011-970 - Rio de Janeiro - RJ. CNPJ 08.987.618/0001-07

    © 2017 - 2020. Todos os direitos reservados.

    Ícones feitos por Freepik from www.flaticon.com