ICP Responde



Porque Deus não pode ser tentado (Tiago 1.13)


Testemunhas de Jeová. Declaram que Jesus não é Deus, pois se Jesus fosse Deus, seria de se esperar que os mesmos atributos aplicados a Deus pudessem também ser aplicados a Jesus. Por exemplo: Deus não pode ser tentado, entretanto Jesus sofreu tentação (Lc 4.2; Hb 4.15).

Resposta apologética: O que o texto bíblico em referência está declarando é que nenhum crime secreto, traiçoeiro e deliberado foi praticado pela vontade de Deus, que não pode ser responsabilizado pelas más ações dos homens. Jesus foi conduzido ao deserto para ser tentado pelo diabo e, na terceira tentação, respondeu a Satanás: “Também está escrito: não tentarás o Senhor teu Deus” (Mt 4.7). Ora, ao ser tentado pelo diabo, Jesus aplicou a si mesmo as palavras de Deuteronômio 6.16, identificando-se como Jeová, confessando ser Deus. Além disso, o escritor aos hebreus diz que Jeová foi tentado no deserto pelos israelitas: “Não endureçais os vossos corações, como na provocação, no dia da tentação no deserto, onde vossos pais me tentaram, me provaram, e viram por quarenta anos as minhas obras” (Hb 3.8,9).


  • Leia também




    Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso de Teologia On-line Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia
    Contato
    Siga

    © 2017 - 2020 ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Todos os direitos reservados


    Ícones feitos por Freepik from www.flaticon.com