ICP Responde



Porque a promessa vos diz respeito a vós [...] a tantos quantos Deus nosso Senhor chamar (Atos 2.39)


Universalismo. Ensina que a salvação alcançará todos os homens. Com isso, nega a condenação eterna.

Resposta apologética: Pedro, aqui, está se referindo a uma promessa benéfica, que fala a respeito do perdão dos pecados e do dom do Espírito Santo. É verdade que o desejo de Deus é que todos os homens se salvem: “E a vontade do Pai que me enviou é esta: Que nenhum de todos aqueles que me deu se perca, mas que o ressuscite no último dia” (Jo 6.39). Mas alguns rejeitam a graça salvadora e perecem: “E com todo o engano da injustiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem” (2Ts 2.10).

A passagem em estudo serve para refutar a tese universalista, que tenta distorcer a justiça de Deus e sua misericórdia. O “Ide” de Jesus também retrata esta verdade, já que a comissão não foi apenas para que os cristãos da Igreja primitiva a observassem, mas também para a atual geração que, da mesma forma, deve advertir os homens: “Mas quem não crer será condenado” (Mc 16.16)


  • Leia também




    Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso de Teologia On-line Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia

    ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Caixa Postal 64.098 - CEP 22011-970 - Rio de Janeiro - RJ. CNPJ 08.987.618/0001-07

    © 2017 - 2020. Todos os direitos reservados.

    Ícones feitos por Freepik from www.flaticon.com