ICP Responde



Nu tornarei para lá (Jó 1.20-21)


Espiritismo. Acredita, assim como os demais grupos religiosos que pregam a reencarnação, que estes versículos comprovam suas crenças.

Resposta apologética: Jó não estava falando em alma retornando a outro corpo, para viver outra vez, mas, sim, que ele próprio voltaria à condição de pó, pois era pó (Gn 3.19). Por isso a palavra útero é utilizada poeticamente em seu livro em referência à terra. Isso não é estranho. Vemos também Davi, no Salmo 139.15, usando a palavra terra para se referir ao útero: “No oculto fui feito e entretecido como nas profundezas da terra”. Apenas um literalismo radical levaria alguém a dizer que Jó, depois de morrer, voltaria ao útero de sua mãe, o que seria uma interpretação absurda.

E, para finalizar, Jó não acreditava na reencarnação. Sua esperança era a ressurreição em um corpo imortal, pois ele próprio declarou: “Porque eu sei que o meu Redentor vive, e que por fim se levantará sobre a terra. E depois de consumida a minha pele, contudo, ainda em minha carne verei a Deus” (19.25-26).

O ensino da reencarnação não compreende as doutrinas bíblicas de vida eterna e justiça, antes, apregoa um ciclo interminável de nascimento-morte-nascimento.


  • Leia também




    Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso de Teologia On-line Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia

    © 2017 - 2020 ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Todos os direitos reservados.

    Ícones feitos por Freepik from www.flaticon.com