ICP Responde



Morrendo o homem, porventura tornará a viver? (Jó 14.14)


Ceticismo. Afirma que Jó não cria na possibilidade de ressuscitar.

Resposta apologética: Jó não está negando sua fé na ressurreição, mas afirmando que as coisas não terão mais a mesma seqüência de quando enfrentava as aflições que o abateram na terra: “E depois de consumida a minha pele, contudo ainda em minha carne verei a Deus. Vê-lo-ei, por mim mesmo, e os meus olhos, e não outros o contemplarão; e por isso os meus rins se consomem no meu interior” (19.26). Também nós não desejaríamos voltar às mesmas aflições! A ressurreição é uma doutrina estabelecida nas Escrituras (Cf. Dn 12.2; 1Co 15.22; Ap 20.4-6).

O Senhor ensinou que todos os que estão nos sepulcros ouvirão a sua voz e serão ressuscitados (5.28,29). Jó esperava passar algum tempo oculto no sheol — “até que depois te lembrasses de mim! Quando tomará lugar essa ressurreição?”. Daniel nos revela: “Muitos dos que dormem no pó da terra ressuscitarão, uns para a vida eterna, e outros para a vergonha e desprezo eterno [...] ao fim do tempo” (Dn 12.2-4).


  • Leia também




    Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso de Teologia On-line Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia

    ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Caixa Postal 64.098 - CEP 22011-970 - Rio de Janeiro - RJ. CNPJ 08.987.618/0001-07

    © 2017 - 2020. Todos os direitos reservados.

    Ícones feitos por Freepik from www.flaticon.com