Apologética



Judaísmo – Parte 02 – As origens do judaísmo


Historicamente, o judaísmo veio à existência quando foi firmado o pacto abraâmico. Desde o começo o judaísmo foi uma religião revelada e não uma religião natural ou filosófica.

Acredita se ser descendente de uma tribo que viveu em Canaã, englobando atualmente a maior parte de Israel, Jordânia e Síria. Os judeus crêem ser descendentes de Abraão ao qual Deus fez uma aliança e prometeu lhe uma terra da qual jorrasse leite e mel. Embora os judeus jamais tenham sido, em todo registro histórico, os únicos donos do território, a terra permanece crucial para sua auto representação.

A partir do chamado de Abraão, para ser o pai de uma nação particular, (a Palestina), a qual constituíra a Terra Prometida, Deus revelou uma mensagem na História que se destinava a tornar se aplicável universalmente a todas as nações e todos os povos.

Vemos em Deuteronômio 26.5 que a nação de Israel formada pelo povo judeu veio a ser grande e poderosa. Então testificarás perante o Senhor teu Deus, e dirás: Arameu, prestes a perecer, foi meu pai, e desceu ao Egito, e ali peregrinou com pouca gente, porém ali cresceu até vir a ser nação grande, poderosa, e numerosa.

Cumprindo se assim a promessa de Deusa Abraão (Gênesis 12.1), na origem do judaísmo, de que dele sairia uma grande nação.


Curso de Apologética Online Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso de Teologia On-line Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia

ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Caixa Postal 64.098 - CEP 22011-970 - Rio de Janeiro - RJ © Todos os direitos reservados. 2021


Ícones feitos por Freepik from www.flaticon.com