ICP Responde



Aprendei de mim (Mateus 11.29)


Nova Era. Segundo apregoa, Jesus pediu para que tomássemos sobre nós o seu jugo e aprendêssemos dele. Com isso, o Senhor estava ensinando ioga aos discípulos, para que deixassem de lado o mau carma e aprendessem com o “guru” Jesus, o “ancião de dias”.

Resposta apologética: O versículo em referência não possui nenhuma relação com a ioga ou o carma. A humanidade está cansada por causa do pecado (Jo 8.34,35; Rm 6.23), e o homem só pode encontrar descanso para a sua alma em Jesus.

Ao tomar o jugo de Cristo, o homem se torna seu discípulo. O jugo do Salvador é realmente suave e o seu fardo, leve (Jo 8.32,36). O que de fato aprendemos de Jesus é que Ele é unicamente o Messias divino. Freqüentemente, o Filho de Deus declara sua verdadeira identidade. Jesus é o verdadeiro Cristo (Mt 16.16,17; Jo 11.25-27) e nos alerta quanto ao aparecimento, nos últimos dias, dos falsos cristos (Mt 24.5,11,23,25).


  • Leia também


      • Bíblia Apologética com Apócrifos
        frete grátis
      • Série Apologética
        frete grátis

    Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso de Teologia On-line Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia

    ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Caixa Postal 64.098 - CEP 22011-970 - Rio de Janeiro - RJ © Todos os direitos reservados. 2021


    Ícones feitos por Freepik from www.flaticon.com