ICP Responde



Amarás o Senhor teu Deus (Mateus 22.35-40)


Islamismo. Com o objetivo de negar a doutrina da Trindade, cita este texto, entre outros, para afirmar que Jesus acreditava em um Deus.

Resposta apologética: Claro que Jesus acreditava em um único Deus, pois a doutrina da unicidade de Deus é a viga-mestra do Novo Testamento. Deuteronômio 6.4 foi citado por Jesus em Marcos 12.29 e, no versículo 32, disse: “E com verdade disseste que há um só Deus, e que não há outro além dele”. O apóstolo Paulo afirma: “Todavia, para nós há um só Deus” (1Co 8.6; Ef 4.6). O ensino de Jesus em nada é contraditório à doutrina bíblica da Trindade. Ao contrário, o próprio Jesus esclarece o que antes estava implícito no Antigo Testamento. A unidade de Deus não é absoluta, é composta (V. comentário de Dt 6.4). Enquanto o Antigo Testamento revela a unidade da Trindade, o Novo, por sua vez, revela a Trindade na Unidade. A doutrina bíblica da Trindade não neutraliza e muito menos contradiz a doutrina da Unidade, e a doutrina da Unidade não anula a doutrina da Trindade (V. comentários de Mt 28.19; Ef 4.4-6; 1Co 12.4-6; 2Co 13.14, sobre a Trindade).


Curso de Apologética Online Bíblia Apologética com Apócrifos Série Apologética Curso de Teologia On-line Curso Básico de Teologia Curso Médio de Teologia Curso Bacharel de Teologia

ICP - Instituto Cristão de Pesquisas. Caixa Postal 64.098 - CEP 22011-970 - Rio de Janeiro - RJ © Todos os direitos reservados. 2021


Ícones feitos por Freepik from www.flaticon.com